segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Que a gente não alcança mais.


Coragem, às vezes, é desapego.
É parar de se esticar, em vão, para trazer a linha de volta.
É permitir que voe sem que nos leve junto.
É aceitar que a esperança há muito se desprendeu do sonho.
É aceitar doer inteiro até florir de novo.
É abençoar o amor, aquele lá, que a gente não alcança mais.

Ana Jácomo

2 comentários:

Aion disse...

...
É conceber a realidade e ter força de vontade para aprender a lidar com ela.

O problema as vezes nem é a coragem, mas romper com a esperança de que algo completamente improvável possa acontecer. Ou seja, abandonar a fé para conseguir ser feliz.

Nara Sales disse...

...
Maybe I'm stronger than yesterday!